segunda-feira, 10 de agosto de 2009

A cidade de São Paulo deve adotar o mototáxi como transporte?


Estatística inicial... 300 mil motociclistas circulam pela cidade diariamente expostos a todo tipo de risco imaginável. Manobras perigosas entre carros, caminhões e ônibus, seja pelo espírito de aventura de auto-locomoção ou devido ao trabalho e aos apertados prazos de entrega que as empresas sujeitam esses profissionais. O número cada vez maior de acidentes, creio eu, que todos estejam cientes; não tem um único dia que não aparece algo em algum meio de comunicação.


A prefeitura (e os gestores de trânsito) até tentam fazer alguma coisa. Cursos gratuitos de direção segura, fiscalização nas ruas, criação de faixas exclusivas para motos, dentre outras coisas, visando diminuir os acidentes.


Agora vamos ao tema em si...


Penso que a legalização desse serviço (mototaxista) só viria a aumentar ainda mais a quantidade de pessoas expostas aos perigos tão conhecidos que nossa cidade oferece quando o assunto é transito. E para piorar, esse novo contingente será inexperiente e estaria exposto a mesma pressão de tempo... uma vez que só vai optar por esse serviço quem realmente precisar chegar muito rápido a um compromisso.


Quem anda de moto sabe que o fator equilíbrio é quase tudo. Agora imaginem vocês, alguém que nunca ou quase nunca anda... na hora que contratar o serviço, numa curva, o passageiro ira tentar compensar (a sua maneira) a inclinação do motorista, ou seja... desequilíbrio... que leva ao chão!! Do chão não passa é bem verdade, mas vai doer um bocado! ¬¬


O trânsito paulistano é um dos piores do mundo. Fato. Mas a meu ver, nada justifica jogar ainda mais pessoas nesse caos. O risco não compensa.


Em 2008, 60% dos acidentes com vítimas ocorridos em São Paulo tiveram motociclistas envolvidos, sem contar que aconteceram, obviamente, nas vias com maior número de veículos circulando ( marginais Tietê, Pinheiros e na Av. 23 de Maio).


Quando acontece um acidente, não basta arrastar a moto para a lateral(nem pode aliás), é preciso aguardar a chegada do resgate e da perícia. Nisso, uma ou mais faixas ficam totalmente paradas... e as filas só vão aumentando... e o estresse... e os ataques cardíacos... e... ¬¬


Não tem jeito, meu texto é tendencioso porque essa é minha opinião. Vejo essa regulamentação como uma contribuição a mais para agravar o já caótico trânsito paulistano. Negar que haverá um aumento nos acidentes é querer tapar o sol com a peneira.

Guttwein, T.

101 Opiniões:

BRUNO disse...

Em certo parágrafo vc apontou bem a situação: mais pessoas ficarão expostas com o moto taxi. Se deu certo nos morros do rio, não quer dizer que dará certo no trânsito de São Paulo. Além do que, esse tipo de transporte tem seu quê de clandestino, não sei se o governo aplicaria aqui em SP.

Abraços!

Diego Janjão disse...

Ah cara, num sei não, hein?
Hoje em dia tem cada cara que se transforma qdo sobbe em uma moto...

creio que a maioria não poderia transportar "seguramente" um cliente...
Digo isso pq num gosto de motos

diogo disse...

velocidade é mt bom moto entao mais tem mt gente q abusa mt

Lolita disse...

Olha, eu concordo em certos pontos. É claro que a certeza de que isso vá funcionar é inexistente, mas a pergunta é: se funcionou nos morros do RJ porque não funcionaria em São Paulo? Eu, particularmente, acho que para os que se arriscam em motocicletas, não teria problema algum. Muito pelo contrário. Os acidentes acontecem de qualquer jeito.

Gutt e Ariane disse...

Pessoal, querem mesmo comparar morros do Rio de Janeiro com as avenidas MEGA movimentadas de São Paulo? Vamos nos atentar um pouquinho mais a realidade ok?

Dtescom.blogspot.com disse...

Mototaxi pra mim nunca daria certo, não consigo me imagina em uma garupa de moto.

Dtescom.blogspot.com disse...

Parece bizarro pra mim andar de texi moto. puts.

Descarga! disse...

É muito preocupante a situação, pois é fisicamente impraticável o serviço de moto-taxi. Nunca usei e espero nunca precisar usar. Parabéns pelo blog! Texto dissertativo-argumentativo perfeito!

Descarga! disse...

E só pra completar (saí debaixo de vocês de novo em outro post ^^):

Tô seguindo o blog de vocês. Pra não parecer que eu disse que gostei só por gostar, é verdade hein? :P

bullshitrock disse...

Jamais! Só teremos mais mortes e o transito pioraria drasticamente!

ERICA disse...

se nessa cidade tivesse espaço pra criar 1 pista pra motos - ideia q ja existe - favoreceria muito mais a implantação desse tipo d transporte. Eu acho interessante

War Inside My Head disse...

NÃO ACREDITO QUE VA DA CERTO!
PELO SEGUINTE MOTIVO:
A GRANDE MAIORIA DE PESSOAS QUE USUFREM DO SERVIÇO DE TAXI HOJE , TEM A MEDIA DE IDADE DE 40 ANOS, E POSSO ACRESCENTAR QUE: MUITOS SÃO SENHORES E SENHORAS, QUE PROCURAM QUALIDADE E SEGURANÇA!
PORTANTO ACHO INVIAVEL ESTE MEIO DE TRANSPORTE...
APESAR DE TER MOTO E USA-LA MUITAS VEZES COMO MEIO DE LOCOMOÇÃO E LAZER, SEI BEM DOS RISCOS QUE PASSO NA CIDADE DE SÃO PAULO, ONDE TODOD TEM PRESSA E É CADA UM POR SI! MUITA GENTE DESTRAIDA NO TRANSITO, UM SEGUNDO QUE O CARRO NÃO TE VE, VC PODE IR PRO CHÃO E SE ARREBENTAR, QUANDO NÃO ACONTECE O PIOR!

Lucas Alsil disse...

seria o fim do transito uashahs
e dos retrovisores tbm !

Daniel Remondini Filho disse...

Acho que em São Paulo isso não rola não!

Jonathan disse...

Eu sou contra, não que seja Prá conceito, mas sim falta de segurança e colocando em risco vidas.

Allerson disse...

Isso é apenas mais algumas mortes para a estatistica de mais de 1.7 mortes por segundo em todo o mundo, pra nascer tem q morrer ne, a mesma velocidade que morre uma pouco mais rápido nasce. Andar de moto realmente não é seguro ainda mais em são paulo um lugar tão perigoso onde "TODOS OS DIAS" morrem pilotos de moto com acidentes horriveis, ou assasinatos roubos, enfim. Carro é mto mais seguro que moto,mesmo assim tenho uma grande paixão pelas motos ^^

www.allersonblogger.blogspot.com

palavras ao vento disse...

eu creio que tem que legalizar...mas tb tem que ter um setor so pra fiscalizar...pq não são todos os motoboys que so zoa...ai tudo da certo...

30 e poucos anos. disse...

Eu sou motociclista e sei dos perigos e da loucura de andar no transito de sampa...Eu não pegaria um mototáxi e não recomendo, realmente o perigo de queda é gde, fora que muitas motos são velhas e péssimamente conservadas

Tiago Dadazio disse...

claro, pq nao?
mas ai eles terao que ser mais organizados e responsaveis!

Marcus disse...

tem gente que esquece que mmotoqueiros, são humanos tambem, nem todos, sao atentados suicidas!!

A Toca do Panda disse...

tem que ter coragem...

http://atocadopanda.blogspot.com

Carine Galle disse...

moro em cidade pequena, aqui nao ha mto problema com transito mas quando vou as cidades maiores e um caos..e sempre vejo pelo menmos um acidente...horrivel..

Camila disse...

Ah, não ando de moto nem pra salvar a vida!! >.<
Mas sei lá, não acho que haja mais solução pra trânsito. Talves estimulando o uso e melhorando as condições dos transportes públicos, as vias. Mas daí teria que virar o país de cabeça pra baixo e eu não vejo isso acontecendo, de qualquer forma.

Avassaladoras Rio disse...

Queridos amigos avassaladores...
Não sei. A principio parece uma boa ideia das segurança aos usuarios e mototaxistas, já que parece inevitável a existencia de demanda... Aqui no Rio é comum há muitos anos principalmente em comunidades com dificil acesso para vans e kombis... Vamos ver o que acontece....

PanPum Flûor disse...

por um lado seria bom, por causa do transito, poderia diminuir um pouco do de carros, e claro aumentando o fluxo de motos :~

mas sei la, pode ser até bom...
porem o problema eu acho q é o risco que se corre :x
as pessaos sao muito imprudentes e o acidente é bem mais feio de moto ne

Fábio Flora disse...

Eu não me arriscaria sobre duas rodas... Abraços e sucesso com o blog!

Jeferson Assis disse...

Ei, tu tá afim de trocar parceria?
Caso esteje interessado, me contacte depois.
blogdojeco.blogspot.com/

Abraços.

Zoadao.blogspot.com disse...

nao sei nao einh..eu nao teria a audacia de utilizar servico de mototaxi em sao paulo
eu ja vi esse tipo de servico em londrina no norte do parana e funciona muito bem..mas o transito eh bem melhor e ninguem fica fazendo loucuras "ziguezagueando" no transito..meu voto eh totalmente contra moto taxi em sao paulo

FábioE§¢orpïão disse...

Fato é que (de forma clandestina) esse tipo de transporte existe há muito tempo, nas cidades pequenas e periferias.

Agora, querer regulamentar isso para valer no Brasil inteiro, inclusive em São Paulo?

Absurdo!

Inacreditável a hipocrisia e a incoerência dos políticos. Ao mesmo tempo em que fazem esse estardalhaço demagógico contra os fumantes, sob pretexto que a fumaça do cigarro pode prejudicar a saúde dos não fumantes, aprovam uma coisa que FATALMENTE vai MATAR mais gente do que já morre, em acidentes de moto!

Sempre atendendo à interesses escusos, necessidade de auto-promoção e "lobbys" de gente interessada em alguma medida estatal.

Inez disse...

Achei que o reconhecimento da profissão de mototaxista foi de uma idiotice tamanha que não dá nem pra falar.
Em São Paulo vai servir somente para aumentar o número de acidentes.

Thalisson Teixeira disse...

óia eu d novo... aki na cidade vizinha deu certo, num sei por ai...

Karina Costa disse...

Acredito q não.. é um transporte mto perigoso, e isso faria com que mtas pessoas que não usam moto, passariam a usar..

Temos que acabar com esse índice e não aumentar.

Parabéns por abordar o tema..
o blog é sensacional..

Visite-me

http://karinacosta1909.blogspot.com/

Vivian Pereira disse...

Olá!!! Obrigado pela visita no meu blog!!!! Seja sempre bem vindo ao meu cantinho =D

Adorei seu blog sobre temas variados e gostei da forma que vc expoe... muito bom!! Com certeza virei aqui mais vezes...

Bjoss e ótima semana!

Vini e Carol disse...

Ah cara, é meio complicado.
Morei 2 meses no interior, onde esse meio de locomoção era super praticado, existia vários moto táxis lá! (aliás, existe ainda rs).
Muita gente usava o mesmo, gente de todo tipo de idade, mas, ao contrário de SP, lá não tinha esse trânsito violento que tem aqui!
Mesmo as motos sendo "pequenas", práticas e etc, podendo pegar o famoso corredorzinho, só iria atrapalhar ainda mais esse trânsito, e sem contar que MUITA gente tem medo de andar de moto, minha mão por exemplo não pegaria moto táxi nunca!

Para mim, seria prático na idéia, mas na prática mesmo não funcionaria.

Abraço.

Diego Rodrigo disse...

Putz! Trânsito é uma coisa muito complicada, e em São Paulo andar de moto já é um ato de coragem, e moto táxi... Não quero nem pensar nisso.

Henrique disse...

Bom ... Se os motoqueiros de SP já são bem irresponsáveis, transportando pessoas, as mortes serão em dobro, concorda comigo?

Essa é a minha opinião.

Blog do disse...

Aqui em Fortaleza já funciona a anos, mas o trânsito de SP é muitoi mais carregado.

BLOGdoRUBINHO
www.blogdorubinho.cjb.net
www.twitter.com/blogdorubinho

Daniel Moreno disse...

moto é um problema mesmo
e normalmente os motoqueiros são folgados (raras são as exceções) acredito que são paulo deveria fazer igual barcelona e disponibilizar motocicletas para alugar. assim, eles diminuíram o índice de acidentes, os congestionamentos e a poluição

esdras b disse...

Sua opinião é muitíssimo válida, mas só pelo simples fato de ser bem mais barato q um táxi e mais rápido q ônibus, eu acho uma boa ideia, embora me borre de medo, ás vezes vale a pena. Só ñ sei se me arrisco aqui em São Paulo a pegar um mototáxi, qdo morava em Londrin utilizava esse serviços, mto de vez em qdo, mas aqui já ñ sei se me arrisco.

Danilo de Lima disse...

Creio que os mototáxis poderiam ser liberados, porém com cautela e com uma legislação própria e adequada.

Texto muito bom e bem informativo!

NR disse...

sinceramente, eu acho mototaxi muuuito arriscado p/ sp.. nas cidades do interior pode ate funcionar, mas pq o transito é mais leve .. agora em uma cidade com uma circulação de veiculos como sp é mto dificil

Hique disse...

De jeito nenhum!

Pra quê mais gente morrendo?

Não há estrutura social nem humana para isso, não sabemos nos comportar ainda para esse tipo de transporte.

Daniel Silva disse...

Eu tenho uma raiva de motoqueiros, cara, não tens noção. No sábado mesmo um cara bateu no meu carro e saiu em disparada.

Não sei se aqui pegaria essa ideia, mas como o trânsito de São Paulo é o caos, poderia ser uma alternativa.

Abraço

Eu disse...

eu nem sei eu não moro lá :S

Perdões disse...

Você disse bem: tapar o sol com a peneira. As pessoas andam em círculo e não acham solução pra nada.

paginasonline disse...

Aquinoi Interior de SP é legalizado o moto taxi, e o que mais tem aqui é acidentes de moto, não sei dizer se são mototaxistas, mas as estatísticas só vem crescendo!
Eu não acredito que dê certo aí em SP, só vai aumentar o número de acidentes!
BjOs^^

Bola nas Costas Iscuitantes disse...

Parabéns, pelo blog cara!!

Irving Maynard disse...

Não adiantaria perguntar se a cidade deve ou não adotar o sistema!

O certo é que a cada dia São Paulo cresce mais, e não tem a estrutura que deveria ter!!!

As vezes é necessário se arriscar para chegar cedo ao trabalho por exemplo. passar hora no transito na vai facilitar a vida de ninguém!!!

Adorei o Blog parabéns

Vem com o Pai aki! disse...

Tema muito bem escolhido, sabemos que existe sempre os dois lados de uma mesma moeda isso acontece em tudo na vida, pode melhorar de um lado e piorar do outro, trazer certas dificuldades nisso ou naquilo, assim como ocorre com o transporte coletivo ou o tx comum... tudo vai depender do ponto d vista. Em certos casos eu axo uma boa esse serviço justamente para os horarios de pico qm quer chegar rapido em algum lugar como por exemplo uma pessoa q pega um voo as 18:30 no aeroporto de congonhas nao consegue nunk sair de casa com meia hora de antecedencia e pegar o voo mas nem ferrando agora de moto taxi isso se torna um pouco melhor, quanto aos acidentes bom isso é ocorre em todas as situações até dormindo.

rodox
http://www.proibidoler.com/

~PakKaramu~ disse...

Pak Karamu reading your blog

Rodrigo Araújo disse...

Eu, particularmente, não ando de moto. Mas, acho que é válido regulamentar uma profissão que já existe informalmente.
Aqui em Manaus será adotada, com algumas adequações.
Quanto ao trânsito de São Paulo, realmente, será mais um fator bastante influente no caos...

Yuri disse...

Enquanto o risoc q as pessoas coreem, isso e verdade.
Mas eles teem q ganhar a vida, e essa profissao e muito util sim!

Adm. Marcelo Leite disse...

Não daria certo ;~~

Nerd Loide disse...

eu era contra andar de moto-táxi mais um dia rolou uma greve das empresas de ônibus ai viu né os moto taxista fizeram a festa ... e é verdade que muitas vezes é mais prático e mais eficais

Marcelo Lyra disse...

Na minha opinião é: se não legalizar, o serviço de mototáxi não continuaria existindo do mesmo jeito? Não vejo motivos para estimular esse tipo de transporte, dado o risco, mas creio que, participando da sua organização, seria mais possível produzir medidas para evitar um risco ainda maior para passageiros e motoristas.

Thiago disse...

Sei lá, eu acho que seria estranho o mototáxi, alem de ser meio perigoso !

luiz scalercio disse...

cara eu sou a favou mototaxi sim

Tiago Dadazio disse...

ONTEM UM MOTOQUEIRO ARRANCO O RETROVISOR DO CARRO DO MEU TIO, PARO, DEU UMA OLHADA E VAZO!

FDP!

gAng disse...

difícil essa questão...
eu axo q sim, mas deveria ser bem regulamentado, e compoucos pela cidade, meio que só os melhores poderiam continuar. Assim evitaria acidentes e a profissão continuava

www.hysteria-project.blogspot.com

War Inside My Head disse...

COMENTEI ONTEM AMIGO!
CONTINUO ACHANDO QUE ISSO NÃO VAI DAR CERTO!

Jeferson Assis disse...

Olá Gutt e Ariane, a questão é bem complicada e deve ser bem discutida. Apesar de não morar em São Paulo, sei que o trânsito daí é um caos total.
Por altos, tenho conhecimento que são mais de 10 mil ônibus circulando na cidade, levando e trazendo passageiros. Fora aquela multidão de automóveis e motoboys.
Legalizar mais esse tipo de transporte alternativo, só acarretará complicações.

E pra ser mais claro, eu estou em cima do muro.
Afinal, tem gente que precisa dessa alternativa de trabalho pra sobreviver.

Abraços.

Gikka disse...

Ti lindoo! Tem um selo pra vc no meu blog!
Beijos da Gikka

Jeferson Assis disse...

Gutt, aquele banner que tenho no Blog do jeco, não foi eu que criei.
Aliás, não sei como fazer. Por isso, não sei como diminuí-lo pra te enviar.

Abraços.

Café Expresso. disse...

Mototaxi em são paulo?
Ah, fala sério.
Tudo bem que facilitaria a vida de muitos, mas não haveria cemitério suficiente...

Divulgando:
http://aindamaisestorias.blogspot.com


http://blogcafeexpresso.blogspot.com


http://estoriasmediocres1.blogspot.com

Conceição Duarte disse...

Gutt e Ariane, olá, obrigada por visitar meu blog.

O de vocês é the best!
Sobre esse assunto, eu confesso que há muito tempo, mais de quatro anos que venho falando em programas de rádio e já escrevi sobre isso há muito tempo. Sou contra totalmente, inclusive, um dia falei com nosso atual prefeito de São Paulo, o Kassab e pedi a ele encarecidamente que não deixasse a classe dos motoboys largada na cidade prejudicando a vida deles, e nos irritando em extremo, pois é sabido que eles não nos respeitam. Pode ser que algumas pessoas, também não tenha por eles nenhuma paixão, mas confesso que pelo que vemos e sabemos, eles são os grande culpados, pois para começar a conversa, eles andam em cima da faixa, e entre os carros!! Isso é um absurdo.

Ser motoboy, é muito triste, pois a chance de não voltarem mais para casa no final do dia, é grande demais.

Lamentável, mas eu colocaria uniforme obrigatório neles, com o nome da empresa para quem trabalham. Pintaria as motos e as licenciaria da mesma forma que é feito com o taxi, tudo diferente e registrado.

Exigiria horário para poderem circular, e jamais permitiria que andassem entre carros, e sim ocupando o lugar de um deles.

Assim como não deixaria que tivessesm garupa.

Enfim, parece que estou no Canadá, mas com boa vontade, chegaríamos a um concenso, para o bem deles, e nosso. Afinal, nós que temos automóvel, pagamos muitos impostos, temos rodízio, temos faixas para andar e que seja assim, para todos, pois somos mais antigos, a maioria e os que pagam mais.

Regras em cima deles, e taxiboy ?? Jamais em tempo algum. Absurdo total.

Grande beijo, CON

Tchezar disse...

Eu seria a favor da moto-taxi se existisse uma regulamentação melhor e mais rígida sobre a condução das motocicletas.
Quem dirige em São Paulo sabe como é um inferno aquele monte de motos passando por todos os lados sem bom senso nenhum. Mais motos circulando seria um caos.

* Gil * disse...

Tambem acho q o risco não compensa...particularmente ...não curto motos...
Parabens pelo blog!
^^

Cão Pelado disse...

Acredito que deve adotar desde que coloque limites pros mototaxistas legais, pra mim os que tem ficha na delegacia por furto, sequestro e estupro devem ser banidos da profissão...
O seguro, a higiene da moto e do capacete seriam essenciais...

TAIS MOREIRA disse...

Eu sou contra esse negócio de mototáxi, tb, acho que muitas pessoas ficariam expostas, sim, ao perigo, pois eu NÃO CONFIO EM MOTO.
Parabéns pelo texto.
Beijos

Marcus disse...

motoqueiro é humano tbm!

Guilherme_Arconexo disse...

Com certeza o número de acidentes acabaria aumentando! Mototaxi esta longe de ser um transporte seguro.

Victor Valente disse...

é vai aumentar os acidentes...
mas eu sou afavor da legalizaçao
ja muitas familias dependem disso...



kra muito bom teu blog
ta afim de parceria? trocar nossos banners? aguardo resposta!
http://semprerockandroll.blogspot.com/

Adriano VIana disse...

Eu acho que isto so tende a contribir para mais mortes no transito de São paulo, e como você falor, pessoas que quase nunca andarm de moto, vai querer compensar o peso, ou faser algo pior, e vai acbar acontecendo acidentes> Eu não pegaria moto taxi, numa cidade como Sp! Abraço!

Marcus disse...

Velho, eu tinha lido seu texto sim, só comentei aquilo, pois pelo meu entender você está "metendo pau" nos motoqueiros, eu trabalho em uma loja de moto peças e pelo o que eu conversei com os moto-taxitas, eles estão gostando dessa idéia, pois agora não é qualquer um que vai virar moto-taxi, pois terá que ter experiência. E, além disso, vão tem carteira assinada, isso melhora em caso de acidentes, pois terá auxilio do governo. E esse negocio de que o passageiro desequilibra a moto, é coisa de quem não sabe andar... por isso que eu não comentei mais nada em seu blog, pois em 4 palavras eu resumi tudo que eu falei! E se você quer que alguém leia seu blog, escreva coisa interessante! Não estressa não, sua vida foi feita de uma gozada!

Bruno R.Ramos disse...

Acho que é um risco e tanto para o passageiro. mas todos têm direito ao trabalho... Se com segurança, tudo bem.

Juan disse...

Creio que deveria , é com a Moto que eles ganha o pão de cada dia né ?

Itamar (japa) disse...

não sei não, é muito arriscado, se bem que ouvi uma entrevista de um dos presidentees de moto-taxi dizendo que o taxista é prudente ao contrario dos motoboys por exemplo, mas isso é meio papo de politico acho ..ehhe!

Dione disse...

Oi
Vim retribuir a visita e adorei o seu blog. Diversificado...vou te seguir tá...bjosss

jbfree disse...

Concerteza seria uma boa ideia de Transport mototaxi...

Rafa disse...

É tendencioso mas está muito bom!

http://cemiteriodaspalavrasperdidas.blogspot.com/2009/08/liberaacao-sexual-casal-fazendo-sexo-na.html

Benjamim disse...

Talvez com a regulamentação da profissão haja maior qualificação dos motoqueiros, resultando numa melhoria no transito e na redução dos acidentes. Com a profissão regulamentada, quem é que vai querer contratar um motoqueiro que dirige mau? Enfim, é a minha opinião.

Obrigado pela visita ao meu blog e pelos elogios às ilustrações!

www.omalucosadio.blogspot.com
www.rosadepedra.blogspot.com

Cristina Tosta disse...

Alguém aí disse que deu certo nos morros do Rio. Mais ou menos! Pelo menos aqui perto de onde moro, eles não respeitam nenhuma regra de trânsito. Fazem tudo o que possa imaginar! Contramão, cortar pela direita, ficar parado no meio da rua conversando... Acredito que muitos não devam nem ter carteira de habilitação!
Além disso, fui atropelada por moto e hoje em dia eu tenho um trauma muito grande. Sem querer generalizar, mas pela facilidade de se adquirir uma moto, muitos conseguem e aí a cidade fica repleta de motoqueiros em vez de motociclistas.

Airton disse...

opaa
legal o post intaum eu vi pela primera vez isso no interior
confesso q em cidade grande nao apoio a ideia
curti sua opniao tbm

abraçoo

Gabriel Ribeiro disse...

Bem, eu não subo em uma moto nem por decreto federal. Minha fobia já vem de infância hehe.

Concordo em gênero, número e grau com a tua idéia. Não vale a pena arriscar a vida por alguns minutos de vantagem. Prefiro chegar atrasado.

Assim, eu sou de Floripa. Lá em Floripa, existem muitos grupos de motociclistas que enxergam arte na moto. Eles andam de moto por paixão, mas é uma situação completamente diferente, onde eles têm noção dos riscos que a motocicleta traz e procuram se precaver. Ainda assim, eu não subo em uma moto, mas nesse caso eu até não fico incomodado com essas motos andando pelas ruas. Provavelmente eles não teriam saco de andar aqui em SP hehe.

Beijo pra quem é de beijo.
Abraço pra quem é de abraço.
Gabriel.

plaidy disse...

Presenciei uma vez uma menina de 13 perder a mãe por causa dessa correria, foi triste. Mas Sampa é muito lotada, precisa talvez de mais transportes.
Se todos dirigissem cuidadosa e conscientemente não haveria problemas.

Glauber Ormundo Dias Martins disse...

Acho que tudo pode virar alternativa...!Mais não creio que isso resolva os principais problemas do transito paulistano
http://vozdegodm.blogspot.com/

thaiana disse...

não andaria de matotáxi não curto moto e não andaria nem fosse o ultimo caso...

KGeo disse...

mas tirando todo perigo de moto andar de moto é bom

Antonoly disse...

Em relação a esse post eu não tenho como opinar, pois não moro na cidade de São Paulo, portanto desconheço a realidade de lá!

Wander Veroni disse...

Acredito que tudo que possa ser criado para ajudar as pessoas no transporte coletivo deve ser planejado e colocado em prática, na medida do possível. Isso é fato: nas grandes cidades só ônibus e metrô não estão dando conta.

Abraço,

http://cafecomnoticias.blogspot.com

Isto é um espanto disse...

eh um metado pra se fugir do trasito e chega ao destino rapidamente

Leandro Ribeiro disse...

Não gosto de motos, tenho receio, somos mais vítimas mais fáceis, quase não há proteção para quem utiliza tal meio de transporte. Acho que essa regularização, deveria vim com medidas a altura, criando as linhas para motociclistas, e que eles cumprissem as mesmas responsabilidades dos motoristas de carro.

Abraço.

kbritovb disse...

aki na minha cidade tem e num deu nenhum problema não

Idealistas disse...

Polêmico o tema, se os motoqueiros se educarem no trãnsito o moto táxi será ótimo, mas caso não ficará pior do que já é.

seuvicio disse...

Tem q adotar o fotomaxi!

Bekinhaa disse...

Só assim vai acabar o trânsito de São Paulo!

Rhá disse...

Eu não moro em São Paulo, então nem sei como opinar sobre esse texto.

Na verdade, pelo que li, acho que o grande problema não está só nos moto-táxi em si, e sim no moto-taxista. A cidade já tem um trânsito caótico, então qualquer outro veículo onde o motorista for inadiplente causará problemas, dores de cabeça, etc... Seja ele um moto-taxi ou não.

Enfim...

Rhaíssa Morais


www.conteudosuspenso.blogspot.com

Rafael Bela disse...

Bom , acho que é um tema que permite grande discussão , porém acho que a regulamentação poderia ser uma grande arma contra os acidentes, pois as regras ficam mais claras , a regulamentação seria positiva na minha opinião...

Gabriel Novaes disse...

com certeza!!

augusto disse...

É melhor a legalizaçao do que ficar nesse embate, alias é melhor que legalize pois, o trabalho no Brasil nao ta facil e o transporte publico deicha a desejar.

Pobre esponja disse...

Sou a favor das bicicletas; mas o ser humano dá mais valor à vida e a bundonice que à natureza. Mas seria uma meia solução, por hora...

abç
Pobre Esponja