segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Degavar se vai ao longe (?)


Sim, ainda há gente que duvida que o homem pisou na lua. Não obstante, há também os defensores dos irmãos Wright, como inventores da aviação, e não o brazuca Santos Dumont. Fazer o que...

Controvérsias à parte, e mesmo entre os que têm prazer efêmero pelo bate-boca, acredito ser unânime que o princípio que rege a natural evolução de tudo costuma modificar ou extinguir hábitos antigos, inclua-se aí aqueles que estão absolutamente marcados em nosso cotidiano. Exemplos? Jornais impressos, locadoras de vídeo, cartas escritas a mão e enviadas pelo correio, dinheiro (em notas), documentos para identificação, combustíveis fósseis e aulas/cursos presenciais são apenas alguns que posso citar, do que, cedo ou tarde, deixarão de existir.


Mas e quanto às filas? Eu sei, ainda seria precipitado comemorar, mas reparem como pouco a pouco elas tendem a desaparecer. No setor bancário, por exemplo, é vasta a oferta de serviços e operações que reduzem ao mínimo a necessidade de se ir a uma agência, nos aeroportos, os passageiros já fazem o próprio check-in através de terminais de auto-atendimento.


Nos cinemas, teatros e casas de show, o corriqueiro agora é obter ingressos antecipadamente, livrando-se assim da espera inútil e da disputa por melhores assentos. Até no serviço público (precário ainda é bem verdade), quem diria, a informatização do atendimento e a distribuição de senhas eletrônicas têm garantido maior conforto e agilidade aos usuários.


Mas não seria o fim das filas um começo (um pouco a pouco) da extinção de qualquer forma de contato entre as pessoas? Certo, certo, esperar de pé, não importa pelo que, é mesmo um porre sem fim, mas às vezes promove momentos estranhamente divertidos...


A fila é o lugar mais propício para observar os curiosos detalhes do comportamento alheio. Nessa situação de espera, surgem três personagens básicos e “marcantes”. O dos que puxam conversas sobre temas em voga para “ajudar” a passar o tempo. O dos que permanecem em silêncio, com a cara amarrada e desejando a morte de cada um que está em sua frente ou o dos que elegem parceiros para falar (lê-se amaldiçoar) a tudo e a todos (governo, demora, sogra, futebol, etc.).


Não tem jeito, sem isso a condição humana acaba por se reduzir... Durante a permanência na fila, estamos submetidos (querendo ou não) a tolerar o próximo. O cara que gosta de conversar pode estar atrás do que deseja a morte de todos, assim como o indivíduo que reclama pode não ter outro alternativa senão se interar sobre o capítulo da novela. Pô, às vezes é saudável lembrar que o mundo é cheio de gente que pensa e age diferente de nós.


Você já comprou bilhete antecipado para uma sessão de cinema? Se já, ao chegar lá e notar que não tinha fila, deve ter sentido aquela sensação “superior” de – “Sou mesmo moderno (a) e tempo eu não tenho a perder” não é? Pois é, mas achou que ia escapar? A bilheteria as moscas, mas há fila pra comprar pipoca e/ou aquela Coca Cola enorme e gelada! Eis a natureza dando um jeito de manter tudo como deveria ser...
Guttwein, T.

60 Opiniões:

Coisa Nenhuma disse...

texto legal

=)

http://sem-ter-o-que-fazer.blogspot.com/

lennon disse...

po muito bom belo poste

parabens pelo blog otimo

abçs!!!

FabioZen disse...

As filas,mesmo odiadas fazem parte da cultura,principalmente brasileira.Muitos casamentos nasceram em filas,do banco,do cinema,da balada.Muita gente também partiu dessa para a melhor na fila do SUS.Talvez ainda demore um pouquinho para se ver livre delas,principalmente a fila do banheiro na boate...

Mayra Husein disse...

Muito bom o texto! Achei super legal o blog, parabéns.

http://alto-falantedigital.blogspot.com/

Gaia disse...

Ah e claro sem fala o fim dos empregos né?, pois podemos comprar ingresos e essas coisas pela internet e quem estaria ali no balcãozinho para nos atender? e as conversas nas filas onde fazemos novas amizades?
Mas como vc mesmo citou a vida arruma isso, lah esta a pipoquinha ^^
Mas q as vezes a fila é um tormento é! rsss

Inez disse...

Há algum tempo atrás sempre que eu tinha que enfrentar uma fila ficava observando o comportamento das pessoas, em ponto de ônibus também, é muito engraçado a gente vê e ouve de tudo.

Mr. Andrógyni-# disse...

Pois é, certas coisas realmente não mudam, mesmo com toda essa modernidade, creio que as filas continuarão por muito tempo !



http://dupladameianoite.blogspot.com/

Fernanda disse...

fila pra tudo, até pra ir pro banheiro.

Camaleão disse...

O mundo anda cada vez mais corrido, mas existem as infinitas filas, e as pessoas ficam muito impacientes, eu por exemplo.

squall_elfo disse...

ah mas tu temn que pensar que no brasil pra evitar fila só pagando, de graça sempre tem fila, e ainda tem fila quando todo mundo se anmtecipa e chega na msm hora
e as vezes tem fila pra nao pegar fila
enfim
viva o brasil o/

www.luzcameraepost.blogspot.com

-=|gä®ö†¡ñ|-|ä|=- disse...

Cara polemico o tema, divide opiniões, vc tem toda razão, tentamos ao máximo evitar as interações humanas, isso é bom e ruim, vejo uma pequena tendencia a regressão sem a interação, muito legal seu blog, parabéns!!=]

ThiagOrnelas disse...

huahua.
filas...malditas filas.
Parecem fazer parte de nosso íntimo, as vezes acho que elas me perseguem, econtrario ao que disse no texto, NUNCA ACABAM.kkk

parabens pelo blog

www.nos4.wordpress.com

Mah & Rê disse...

eu odeeio filas, detesto esperar!
sempre tem um que vem encher a paciência, falar sobre o que eu não quero ouvir...
mas, confesso que eu me divirto bastante as vzs.
reparar a atitude, as conversas, as expressões das pessoas sempre me distrai, e não lugar tão bom pra isso quanto uma fila.
rss

acho que por isso fico dividida entre comemorar ou lamentar a extinção das filas! (caso isso finalmente acontecesse um dia!) hehe

Beijo
Mah!

loucuraexata.blogspot.com
dê uma passada lá!

Pitadinha de Amor disse...

eu gosto das fitas e gostoso viver coisas do passado
http://pitadinhadeamor.blogspot.com/

Lorii disse...

Eu adoreei seu post.
concordo q filas por mais chato q seje sempre tem akeeles q se divertem ! Bom nao tenho taaaaanta experiencias assim em filas de banco e tals mas nas vezes em q acompanhei . nao foi de meu gosto ! HAAHA !

Digalogando disse...

Show de bola!
Passa lá depois!
http://digalogando.blogspot.com
A equipe Digalogando agradece!

Avassaladoras Rio disse...

Queridos amigos avassaladores...
Sou do tipo monossilabico. Geralmente, quando preciso ir ao banco( raro!) vou preparada comum livro ou revista que me interesse. Assim, evito as conversas chatas e sem graça sobre novelas, arrastões, filas, e claro, nossa maravilhosa vida politica da fantastica fabrica de brinquedos...
Dou um sorrisinho sem graça e mostro o livro para justificar minha nao adesão ao papo furado...
Se puder evitar, não vou ao banco

Vini e Carol disse...

Eu já comprei bilhete sem fila para o cinema, e não me senti superior, vai de cada um.

A maioria dos serviços que os bancos, cinemas, bilheterias em geral oferecem são para pessoas com poder aquisitivo maior do que as mais comuns...
Ou seja, quem é pobre continua pegando fila, e como o Brasil só tende a piorar o número de pessoas pobres, as filas crescem cada vez mais.

sequelanet.com.br disse...

Nossa, muito bom e bem escrito o texto. No ínico pensei que ia tratar sobre o a ida do homem a lua depois o texto tomou um outro rumo. Sobre as malditas filas, que não adianta, sempre vamos dar de cara com uma rsrs.
abraços

Alexandre Veras da Luz disse...

Fila realmente é um bom lugar pra observar as pessoas, é uma lei cosuetudinária ( com base em usos e costumes), que não esta escrita na legislção, mas todos somos obrigados à nos submeter a ela!

Cleber Santos disse...

Muito bom o texto, parabéns mesmo! ^^

http://www.archersys.com.br

Juliana Torres disse...

Eu não acredito que o homem foi à Lua... algum problema? hahahaha

caiubi disse...

Primeira vez que eu visito o seu blog, comecei agora com esses lances, achei fantastico cara, muito boa essa matria.
Continue assim, um grande abraço!

Leo Pinheiro disse...

A vida é um efeito dominó, quando se cria uma coisa nova se interfere em outras antigas, mas...

Não necessariamente as estingue.

Acredito piamente nisto.

Será que sou muito otimista?

Ciatel Telecom disse...

Brisa... gostei!

www.ciateltelecom.blogspot.com

Vivendo deixando a vida me levar... disse...

Bacana o texto, como todos os outros! Vcs tem o DOM:DD

Eu detesto filas, mas fazer o que se temos que entrar numa em cada esquina?

Vcs estão sumidos do meu cantinho...

bjuus

Rui disse...

o homem nao pisou na lua, eu acho rs

o futuro é algo em aberto
a gente pode tentar prever, mas acertar e outra coisa

em especial, nao acredito que a aula presencial venha a acabar
quanto aos outros, tudo indica que sim ( o tal do chip pra identificação dá medo )

fila é um barato, tem todo tipo de gente e todo tipo de história
e elas nao vao acabar, só diminuir

NR disse...

Olha .. tem momentos que fila é divertido tem horas q não ... ñ gosto de comprar ingresso de cinema antecipado, gosto daquela sensação de "será q vai ter ingresso até eu chegar la na frente?" faz parte do processo de ir ao cinema. AGora, por exemplo, pegar fila da Sptrans para tirar bilheteunico de estudante é absurdamente irritante, principalmente pq sempre da voltas no quarteirão

Bruno Marcelo disse...

Não pisou mesmo!!!!

http://battosoft.blogspot.com

http://olevitafiel.blogspot.com

Thiago César Lima disse...

Acho que dificilmente vamos acabar com as filas!! Em sp é fila para sair do avião,fila para pegar um taxi,fila para pegar fila é uma loucura! Mas concordo plenamente dos 3 sujeitos e digo mais agnt incorpora os 3 sujeitos tem dia que vc ta puto e ignora o mais falastrao, tem dia que vc ta com raiva do banco e reclama para o proximo da fila e tem dia que vc ta doido para converssar nem que fora para perg se seu time ganhou!!

Guilherme Angélico disse...

ótimo texto realmente a fila é um lugar para se observar o comportamento alheio, sempre tem
um comtra e outro afavor a discussão
é natural

Vanderson Santos disse...

Mal posso esperar pelo extermínio das filas, algo que simplesmente odeio!(rs) Parabéns pelo texto e pelo blog.

Pia Fraus disse...

vivemos a melancolia do óikos (casa) no lugar da pólis (cidade)... cada vez mais queremos não só evitar a fila como também o movimento, o "ir", a locomoção... assim... temos um oito ou oitenta pela frente... ou se retorna a uma ou outra fila... ou nem se sai de casa! assiste, trabalha, consome, estuda ali mesmo... tá tudo girando! vai ver que é poque o mundo dá voltas e se voltarmos muito, caimos no começo... adoro aqui! bj

Adriano VIana disse...

Filas são ruins, mas as conversas nas filas sempre são boas, coitados dos polticos que sofre tanto na boca de quem pega fila! Abraço...

Anderson Fontes disse...

Mto bom, gostei....

Passe no meu e confira.;D

Thaís D.T. disse...

Adorei o posto!
Eu não gosto de filas, ainda mais por causa do tipo de pessoa que fala alto pra quem quiser ouvir, reclamando de tudo e de todos... Quando estou na fila, coloco o fone de ouvido e escuto as minhas músicas preferidas!hahaha...

Contato humano? Pra quem quer é só escolher boas opções, mas não na fila de bancos!rssss

Adorei o post!

beijos

naosenhor disse...

Brasileiro adora fila mesmo, até os reclamões.

Eu raramente entro em filas, mas quando tenho a oportunidade presto atenção em tudo. Tem muita figura, todos com uma estória melhor que a outra...

Mª Be disse...

Sinceramente eu acho que, a sociedade perdendo esses velhos hábitos, não vai ter graça e vai ser monotona e muito muito chata.
Não quero estar viva para ser uma sedentaria que nao levanta a bunda do sofá nem pra fazer xixi .-.

Caboclo disse...

Ótimo post,gostei do blog!

xD

Laura Gelbecke disse...

E quem já não viveu por isso?

gAng disse...

realmenet...
tah acabanu \o/

www.hysteria-project.blogspot.com

Jaime Guimarães disse...

Oi!

Olha, eu acho que é o contrário...rss...a filas tendem a aumentar mais e mais. Ao menos aqui em Salvador é isso que eu vejo em repartições públicas, bancos, lotéricas, supermercados.

Há métodos para diminuir e até acabar de vez com as filas, mas falta até mesmo um pouco de instrução para boa parte da população para acessar certos serviços básicos em um terminal computadorizado, por exemplo.

Mas, quem sabe?

Abs!

Claudia Magnólia disse...

eu detesto filas! Ainda bem que a tecnologia vem se desenvolvendo cada dia mais para que precisemos cada vez menos passar por esse desconforto!

Bjs e sucesso no blog!

Anne in the sky disse...

Eu sou aquela que se mantém em silêncio, com a cara amarrada...rs
Mas não sei pq sempre atraio os tagarelas, que começam a contar a vida inteira pra mim...
De qualquer forma odeio filas, sou meio impaciente e gosto de praticidade, então...

Blogueira disse...

Um sonho de acabar com as filas,mas acho que está longe da realidade.
Adoro passar no blog de vocês!

Leiliane Lopes disse...

Ah como é bom ler um texto que flui!!!
o ruim é o tema, detesto fila. Dependendo do dia eu sou a que puxa papo pra falar mal, quer dizer... na verdade sempre é uma outra pessoa q começa a conversa pq fico, na maioria das vezes, com a cara amarrada. Detesto ficar esperando.


Dta

Café Expresso. disse...

Na minha humilde e utópica opinião:
Sim, o homem foi a lua.
Viva Santos Drummond, o inventor do trem voador.
Acredito também em contos de fadas, papai noel, peter pan e que um diaas filas não vão ser o que são hj.

Por isso o uso do utópica no lugar do sonhadora, hahaha.

http://aindamiasestorias.blogspot.com


http://blogcafeexpresso.blogspot.com

Isabella F. disse...

Hahaha eu achei engraçado o título da postagem justamente porque na minha vida tudo corre estupidamente devagar hahaha!

Ariane Yajima disse...

eu odeioooo fila....
mas tb amo!!!!
Complexo? Pois é...
é como vc disse

fila é um puta saco....pq tem q tá la em pé...
mas em compensaçao...a gnt ve cada bizarrice, cada historia engraçada, cada pessoa interessante...
tenho amigos q conheci em filas...
=P

Rogerio disse...

eu me lembro que nas olimpiadas de pequim...os chinenes consultaram o brasil pra saber as respeito de filas...pq sera....acho que nosso pais e o pais das filas...tem pra tudo...

Tadeu disse...

não conheço essa historia de que as filas estão acabando naum... aqui no RN tem fila ate pra pegar fila...

Richard disse...

Já conheci muita gente legal nas filas! É um tema interessante, mas prefiro não enfrentar filas, pra mim a praticidade conta mais.

Camaleão disse...

As filas estão cada vez maiores na vdd
e já conversei com muita gente boa nas filas

Victor Augusto disse...

seus textos são ótimos
continua a postar sempre

Karina Kate disse...

Você abordou um problema que judia de muita gente, estressa, mesmo sendo em um momento de diversão.
Mas temo que ainda vai demorar muito tempo para deixar de existir algumas dessas filas em nossa vida, até por uma questão de comportamento das pessoas para se adiantarem e usarem a internet como base para resolver certos problemas.

LucasP Design disse...

otimos texto, e lindo layout, voce passou pelo meu blog e nao conseuil baixar um arquivo, tente baixar nova,mente, aqui ta funcionando perfeitamente http://lmphotoshop.blogspot.com/

Karina Kate disse...

Muito bom o texto. Infelizmente, por qualquer tecnologia que seja imposta, as filas não iram acabar tão cedo, pelo menos enquanto as pessoas não se acostumares a utilizar esses recursos.

Esther cyrraia disse...

bem, eu nao sei se aturar o próximo é exatemente o que sinto na maioria das vezes gosto da companhia de desconhecidos, acho sempre uma aventura conhecer pessoas novas, mas como vc falou, as vezes essa pessoa é justamente aquela que quer matar o mundo inteiro e eu vou puxar assunto com ela... rsrsrs, mas é assim mesmo, a gente sofre mais se diverte!!

ótimo texto reflexivo

adorei

Michel disse...

parabens pelo blog

Cangaceiro Surfista disse...

gostei do template, e dos textos, se divulgar mais fica melhor xD


sucesso!!!